Serviços / Exames

Colonoscopia

Sobre

A colonoscopia é o exame endoscópico do intestino grosso. O procedimento permite que o médico examine dentro do cólon e analise possíveis alterações na região. 


Em casos de suspeita de câncer ou lesões não identificadas, o médico poderá solicitar uma biópsia da mucosa durante a colonoscopia para análise laboratorial. 

Quando é feito?

O exame de colonoscopia é o único capaz de identificar com precisão a presença de pólipos, lesões, inflamações, úlceras, tumores e outras alterações presentes na região.


Normalmente é solicitado para investigação de sangramento intestinal, alterações nos hábitos intestinais, como diarreia persistente, anemia por carência de ferro e confirmação de resultados anormais anteriores.



O exame também pode ter indicação terapêutica e ser usado para inserções de próteses intestinais e retirada de pólipos e outros corpos estranhos que ficaram presos no intestino.

Como é feito?

A colonoscopia é feita com a introdução de um fino tubo através do ânus, sob sedação para um melhor conforto do paciente. Este tubo tem acoplado a si uma câmera para permitir a visualização da mucosa intestinal, e durante o exame pequenas quantidades de ar são injetadas dentro do intestino para melhorar a visualização.

Preparo

Para que o colonoscopista consiga examinar corretamente o intestino, sem que sua visão seja obstruída por resíduos de fezes, é muito importante seguir corretamente as instruções fornecidas no agendamento que envolvem dieta específica iniciando 2 dias antes do exame e uso de laxantes iniciando no dia anterior.


É um procedimento realizado em jejum, o período de jejum será informado no ato do agendamento de acordo com o horário do procedimento, manhã ou tarde.


O procedimento é feito sob sedação, por isso é importante que o paciente esteja acompanhado de um adulto, pois com a sedação ele poderá precisar de ajuda para se locomover após o exame.



Para pacientes que utilizam medicamentos de uso contínuo, é sempre importante informar no momento do agendamento o laboratório ou clínica onde irá se realizar o exame.


Pós-exame

Não requer internação hospitalar, isto é, pode ser realizado em clínicas, laboratórios ou ambulatórios especializados. Porém após a finalização do exame, o paciente sedado poderá ficar sob observação por algum tempo.

Contraindicação

É sempre importante informar qualquer suspeita de manifestar abdômem agudo perfurativo, diverticulite em estado avançado ou megacólon para que o médico possa avaliar o risco-benefício, podendo escolher outras opções de exames menos invasivos.


Além disso, pacientes gestantes a partir do segundo semestre, com infarto recente do miocárdio, embolia pulmonar, aneurisma ou neutropenia também devem conversar com um médico sobre os riscos do exame.

Compartilhe

Whatsapp